• Enviar por e-mail

O vice-presidente do Tribunal de Contas de Santa Catarina (TCE/SC), conselheiro Adircélio de Moraes Ferreira Júnior, conheceu a plataforma “Boa Vista”, que pretende integrar as bases de dados, de forma correlacionada, entre os poderes e órgãos da administração estadual.  A reunião, que contou com a presença de técnicos do TCE/SC e do Centro de Informática e Automação de Santa Catarina (Ciasc), responsável pelo desenvolvimento do projeto, ocorreu nesta quinta-feira (14/12), na sede da empresa, em Florianópolis.

Segundo Ferreira Jr., a ideia da plataforma é possibilitar, de maneira simplificada e sem burocracia, o compartilhamento de informações e permitir que cada órgão possa fazer os cruzamentos e trabalhar de forma que atenda aos seus interesses institucionais (assista à entrevista do vice-presidente).

De acordo com os profissionais de TI do Ciasc, a concepção da plataforma corporativa pode ser usada por qualquer órgão público do Poder Executivo, como também pelo Tribunal de Justiça, Tribunal de Contas, Ministério Público, Assembleia Legislativa e municípios catarinenses. O objetivo é viabilizar o armazenamento de dados próprios, ou de origem externa, que podem ser analisados em conjunto e compartilhados com outros usuários de forma simplificada (Saiba mais).

Além do vice-presidente do TCE/SC, participaram da reunião o diretor da Diretoria Geral de Controle Externo, Carlos Tramontin, a assessora da vice-presidência, Andreza de Moraes Machado, o coordenador do Núcleo de Informações Estratégicas (NIE), Nilsom Zanatto, e os servidores da Unidade Alessandro Marinho de Albuquerque, Alexandre Wolniewicz, e da Diretoria de Informática, Cristiano Francis Matos de Macedo.

 

Saiba mais: Plataforma BoaVista

A Plataforma BoaVista ® surgiu para atender à necessidade, essencial e crítica, de tratar bases de dados de tamanho superlativo do Governo do Estado de Santa Catarina na qual os processos tradicionais não alcançaram a performance esperada com relação à descoberta de conhecimento implícito.

Os governos precisam ter controle de seus dados e transformar isso em uma vantagem estratégica de posicionamento enquanto gerenciam crescimento, risco e custos.

Com a realidade da sociedade do conhecimento, na qual o volume de dados passa a ser exuberante, se faz necessária uma nova forma de gerenciamento dos dados corporativos.

A Plataforma BoaVista ® oferece métodos novos e mais eficazes para apoiar o posicionamento organizacional para a tomada de decisão estratégica. E vai além disso, pois possibilita o reconhecimento de pistas vitais para novos produtos e serviços, para atender às demandas da sociedade que nunca foram antes detectadas. É também um forte instrumento de redução de custos operacionais das organizações e dos cidadãos.

Fonte: Ciasc.

Enviar conteúdo por e-mailX

Separe os endereços por vírgula