19/04/2017

Representantes da Suderf e do Deter apresentam ao TCE/SC estudos para licitação do transporte rodoviário da Grande Florianópolis

  • Enviar por e-mail

O presidente do Tribunal de Contas de Santa Catarina, conselheiro Dado Cherem, recebeu, nesta terça-feira (18/4), a visita técnica do superintendente geral da Superintendência de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Grande Florianópolis (Suderf), Cassio Taniguchi, do presidente do Departamento de Transportes e Terminais (Deter) Fúlvio Brasil Rosar Neto, além de técnicos destes órgãos. O objetivo da reunião foi apresentar os estudos realizados por estas autarquias para o lançamento de licitação do sistema de transporte rodoviário intermunicipal da Grande Florianópolis.

Enviar conteúdo por e-mailX

Separe os endereços por vírgula
05/08/2016

TCE/SC vai monitorar futura licitação do Deter para concessão do transporte coletivo intermunicipal da Grande Florianópolis

  • Enviar por e-mail

O Tribunal de Contas de Santa Catarina (TCE/SC) aprovou o plano de ação do Departamento de Transportes e Terminais (Deter) — autarquia vinculada à Secretaria de Estado da Infraestrutura (SIE) — para viabilizar o processo licitatório da concessão do sistema de transporte coletivo intermunicipal urbano de passageiros da Grande Florianópolis, no prazo de 12 meses, conforme deliberação anterior do órgão de controle externo. Os estudos preliminares voltados à elaboração do projeto básico obrigatório para a abertura da licitação integram o planejamento.

Enviar conteúdo por e-mailX

Separe os endereços por vírgula
13/05/2016

TCE/SC dá prazo para prefeitura de Florianópolis apresentar soluções para mobilidade urbana

  • Enviar por e-mail

O Tribunal de Contas de Santa Catarina (TCE/SC) concedeu 30 dias para a prefeitura da Capital apresentar plano de ação com o objetivo de melhorar a mobilidade urbana na Região Metropolitana de Florianópolis e solucionar deficiências encontradas no contrato de concessão com a Companhia Operadora de Terminais de Integração (Cotisa), que podem impactar no valor das passagens pagas pelos usuários do transporte coletivo.

Enviar conteúdo por e-mailX

Separe os endereços por vírgula
24/02/2016

TCE/SC estabelece prazo máximo de 12 meses para licitação do transporte coletivo da Grande Florianópolis

  • Enviar por e-mail

O Departamento de Transportes e Terminais (Deter), autarquia vinculada à Secretaria de Estado da Infraestrutura (SIE), terá no máximo 12 meses para realizar procedimento licitatório voltado à concessão de Sistema de Transporte Coletivo Intermunicipal Urbano de Passageiros da Grande Florianópolis, como manda a Constituição Federal.

Enviar conteúdo por e-mailX

Separe os endereços por vírgula
15/05/2015

Prefeitura de Florianópolis deve esclarecer ao TCE/SC o aumento da tarifa de ônibus

  • Enviar por e-mail

A prefeitura de Florianópolis deve apresentar ao Tribunal de Contas de Santa Catarina as razões que motivaram o aumento da tarifa de ônibus a partir da repactuação do equilíbrio econômico-financeiro do contrato de concessão nº 462/2014, ocorrida em janeiro deste ano.

Enviar conteúdo por e-mailX

Separe os endereços por vírgula
Ônibus - 13 anos
25/07/2014

TCE/SC vai monitorar ações da prefeitura de Imaruí para melhoria do serviço de transporte escolar

  • Enviar por e-mail

A Prefeitura Municipal de Imaruí acatou determinação do Tribunal de Contas de Santa Catarina e elaborou um plano de ação visando corrigir irregularidades detectadas em auditoria operacional realizada no serviço de transporte escolar oferecido pelo município aos alunos da rede pública de ensino.

Enviar conteúdo por e-mailX

Separe os endereços por vírgula
28/04/2014

Falta de política pública prejudica mobilidade de Florianópolis, mostra auditoria do TCE/SC

  • Enviar por e-mail

A inexistência de política pública, que priorize o uso do transporte coletivo, a integração de diferentes modais — barcos, ônibus, carros, motos e bicicletas, por exemplo — e a implantação de soluções articuladas entre a Capital catarinense e os demais municípios da Grande Florianópolis, é o principal entrave para a promoção da melhoria da mobilidade na cidade e na região. O diagnóstico está no relatório da equipe de auditoria do Tribunal de Contas de Santa Catarina (TCE/SC) que avaliou as condições do atual Sistema de Transporte Coletivo de Florianópolis.
 

Enviar conteúdo por e-mailX

Separe os endereços por vírgula
27/06/2013

TCE/SC realiza auditoria nos sistemas de transporte coletivo dos municípios da Grande Florianópolis

  • Enviar por e-mail

O Tribunal de Contas de Santa Catarina está fazendo auditoria nos sistemas de transporte coletivo rodoviário de passageiros, executados pelos municípios da Grande Florianópolis — Biguaçu, Florianópolis, Palhoça e São José — e pelo Departamento de Transporte de Terminais (Deter). Segundo a Programação de Fiscalização do TCE/SC para 2013, a realização da auditoria justifica-se em razão da problemática da mobilidade urbana da região. A proposta é avaliar a validade das concessões, atualmente vigentes, de transporte coletivo, a existência de fiscalização e o planejamento de sua operação. 

Enviar conteúdo por e-mailX

Separe os endereços por vírgula