O planejamento estabelece os objetivos organizacionais — de curto, médio e longo prazos — e os meios para atingir tais objetivos. Estratégico representa o curso dado às ações com vistas à usar intensamente os recursos disponíveis para atingir os fins.

Tanto o planejamento quanto as estratégias exigem escolhas de métodos e técnicas a ser aplicadas pelo ente público conforme sua missão. Essas escolhas não são determinadas pela lei que instituiu o ente, pela vontade do principal administrador e nem somente do meio externo. Valem-se das análises dos ambientes interno e externo para avaliar resultados e efeitos.