Coordenadoria de Saúde do TCE/SC alerta para necessidade de prevenção do câncer colorretal | Tribunal de Contas SC
  • Enviar por e-mail

O câncer colorretal, ou câncer de intestino, está entre os mais incidentes no Brasil e no mundo. É o segundo mais frequente nas mulheres, atrás somente do de mama e o terceiro nos homens, ocorrência menor apenas do que próstata e pulmão. O alerta, feito pela Coordenadoria de Saúde do Tribunal de Contas de Santa Catarina, marca setembro como mês de conscientização para prevenção do câncer de intestino.

Os dados são do Instituto Nacional do Câncer, que informa ainda que neste ano surgirão 17.620 novos casos da doença em mulheres e 16.660 em homens. Este tipo de câncer atinge o intestino grosso e ou sua parte final, o reto.

A Sociedade Brasileira de Coloproctologia recomenda a realização da colonoscopia a partir dos 50 anos, quando não há casos na família de câncer colorretal e pólipos. Quando houver histórico familiar, a recomendação geralmente é a partir dos 40 anos de idade (Saiba mais).

Enviar conteúdo por e-mailX

Separe os endereços por vírgula