• Enviar por e-mail
Na quarta-feira (27/11), às 16 horas, o Tribunal de Contas de Santa Catarina realiza solenidade de entrega dos prêmios às vencedoras do II Concurso de Redação — “O papel do Tribunal de Contas e do cidadão no combate ao desperdício do dinheiro público”. A iniciativa foi a principal ação do projeto “TCE na Escola”, que tem o apoio da Secretaria de Estado da Educação (SED) e busca formar novos atores para o exercício do controle social, por meio da educação para cidadania. Thauani Gabrielli Iarochesski, 13 anos, aluna da Escola de Educação Básica Professor João Romário Moreira, de Jaraguá do Sul, Brenda Luiza Matte, 12, da Escola de Educação Básica São Luiz, de União do Oeste, e Natalie Rodrigues, 11, da Escola Básica Antônio Morandini, de Chapecó, são as autoras das redações classificadas em 1 º, 2º e 3º lugares, respectivamente.
As três alunas (link para o arquivo Vencedores etapa estadual, salvo na pasta de novembro) e seus professores orientadores receberão tablets e suas escolas kits de livros de literatura, durante o ato no Plenário do TCE/SC. As vencedoras do II Concurso ainda serão contempladas com uma viagem à Capital junto com os professores orientadores. Entre as atividades da programação cultural, que ocorrerá de 26 a 28 de novembro, estão previstas visitas ao Projeto Tamar — dedicado à preservação de espécies de tartarugas marinhas ameaçadas de extinção —, na Barra da Lagoa, e ao Museu Histórico de Santa Catarina, que funciona no Palácio Cruz e Sousa, na Praça XV de Novembro. A estudante classificada em 1º lugar virá à Florianópolis junto com os colegas de classe.
“Para maior e melhor fiscalização sobre o uso do dinheiro público devemos saber que o papel de todos os cidadãos brasileiros é tão importante quanto o do Tribunal de Contas do Estado, um depende do outro, então vamos fazer a nossa parte para termos um país mais igualitário e justo”, defendeu Thauani Iarochesski, na redação. “Nosso país está enfrentando vários problemas por causa da corrupção, porém se cuidarmos e denunciarmos com certeza isso vai mudar!”, sustentou a autora do melhor trabalho, ao revelar ter entendido o sentido dessa espécie de convite para o exercício do controle social da gestão pública feito pelo “TCE na Escola”. “Quando o dinheiro público é bem aplicado, todos ganham. Todo o administrador público deve ser honesto e devolver ao povo esse dinheiro em forma de benefícios e serviços”, escreveu Brenda Matte, na redação classificada em 2º lugar. “O papel do TCE é assegurar que os recursos públicos sejam bem aplicados e evitar irregularidades, como fraudes, desvios e desperdício”, destacou Natalie Rodrigues, no trabalho que ficou em 3º lugar, reiterando que “os impostos têm um valor significante em nossos ganhos, por isso devem retornar em benefícios para as pessoas e devem ser gerenciados com respeito e moralidade”.
 

Enviar conteúdo por e-mailX

Separe os endereços por vírgula